segunda-feira, 9 de março de 2009

A Lusa tentou contratar o Felipão

Olá amigos da Banca. Entendo que o assunto do momento é o Ronaldo, de forma merecida, mas não posso deixar passar um fato referente à Portuguesa de Desportos. Segundo o blogueiro e jornalista Cosme Rímoli, a Lusa tentou contratar, após a demissão de Mário Sérgio, “só” um dos técnicos mais bem pagos e gabaritados do mundo: Luis Felipe Scolari.

Não se trata de uma brincadeira, piadinha. Um tal de Luiz Lauca, vice-presidente do clube, entrou em contato com o gaúcho e logo de cara fez o convite. Felipão, claro, rejeitou o convite na hora, sorte do português que o técnico foi educado.

Quanta arrogância, sintoma de amadorismo pelos lados do Canindé. Lauca sabe que o ex-treinador de Palmeiras e Grêmio recebia um salário astronômico no Chelsea, disse que ficaria na Europa nos próximos anos. Seria um sonho até para a Seleção Brasileira conseguir trazê-lo de volta.

E não parou por ai o exemplo de incompetência da diretoria. Na mesma conversa, o dirigente lusitano teria pedido para Felipão indicar um técnico à equipe. A resposta foi Paulo Bonamigo, ele mesmo, que assumiu horas depois do papo. Qual das perguntas de Luiz Lauca pode ser considerada mais vergonhosa?

Queria dar meus parabéns a Lauca, ao presidente Manuel da Lupa, por estarem conseguindo transformar a tradicional Lusa em time pequeno, motivo de chacota. Aquela Portuguesa que disputou uma final de Campeonato Brasileiro, ganhou três paulistas, demorará a triunfar novamente. Apesar disso, nunca vou deixar de vibrar pela Lusa, sei que um dia verei aquele Canindé lotado novamente só com portugueses. Os padeiros, pizzaiolos e, acima de tudo, os milhares de admiradores da rubro-negra.

7 comentários:

Bruno Diniz disse...

Primeiro, não é Lauca, é Iaúca. E não é "um tal". É o vice-presidente de futebol do clube, além de ser o cara q contrata todos os jogadores com a grana do bolso dele.

Segundo, Não há nada de arrogância na atitute. Luiz Iaúca e Felipão têm amigos em comum, da época em que ele dirigia a seleção portuguesa. Se o dirigente ligou é pq tava disposto a pagar o que fosse pedido.

Agora, acho muito engraçado os jornalistas que sequer acompanham a Portuguesa e sequer sabem o nome dos jogadores quererem fazer chacota.

Vale lembrar que em 98, logo após a Copa do Mundo, a Lusa trouxe o Zagallo, técnico vice-campeão pela Seleção. O Corinthians trouxe o Tevez, o Ronaldo. O São Paulo trouxe o Adriano, o Santos, o Zé Roberto.

Todos tem o direito de tentar trazer quem quiserem, mas, se tratando de Portuguesa, sempre será motivo de piada.

Bruno Diniz disse...

E mais, achar que a torcida é formada por padeiros e pizzaiolos é uma tremenda burrice.

E não é rubro-negra, é Rubro-verde!

Obede Jr. disse...

sou obrigado a concordar com o Bruno. Post infelicíssimo! O Iaúca já esperava o não de Felipão, pois é realista. Convidar não tira pedaço e outra, uma indicação do Felipão vale e muito! É confiar na índole do Scolari contratar o Bonamigo! Assim como disse o Bruno, desde que Felipão treinou Portugal, a relação com a Lusa se estreitou. Não temos como imaginar ele agora na Lusa, mas e no futuro? Quem garante que não?
e rubro-negra é falha gravíssima, aonde tem preto no uniforme/escudo? haha

João de Andrade Neto disse...

Sonhar ainda é de graça, portanto, não custava consulta-lo. A negativa era óbvia e uma indicação de ninguém menos que o Felipão merece, sim, ser levada em consideração.

Os outros "detalhes" já foram citados acima. E não podemos esquecer que entre nós há um português daqueles dos mais chatos! hahaha

Toninho disse...

Em primeiro lugar não desrespeitei a Portuguesa, pelo contrário. Se o Bruno acha certo o tal Luca colocar dinheiro do próprio bolso para contratar jogadores, tudo bem. Realmente errei em chamar a Lusa de rubro-negra. Admito, aliás quem nunca errou. Em terceiro lugar não escrevi que a torcida só tem padeiro e pizzaiolo. E, o mais importante, não faltei com respeito com nenhum dos integrantes. Valeu pelos comentários Obede e João. Deram a opinião de vocês, mantendo o respeito.

Anônimo disse...

Esse Toninho foi muito infeliz.
Mas é o retrato de todos "jornalistas" que acompanham de longe os clubes.
Afinal a imprensa é gambá.

Anônimo disse...

Post muito infeliz. Além dos diversos erros de informação, vejo que o autor (Antonio Karazumi) quis tirar uma onda com a Portuguesa.

Não sou torcedor da Lusa, sou santista, mas o que o "anônimo" acima disse é verdade. A imprensa acompanha de longe os clubes e vão pelo que acham. O Santos tb sofre com isso. Pior que errar informação é tomar como verdade uma história contada em outro blog.

Esse Antonio precisa aprender mto ainda e precisa aprender a ceitar críticas!

José Roberto - Santista