segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Confirmado "roubo", Internacional quer o título de 2005

Se o futuro do Corinthians parece comprometido pela má administração e a mal sucedida parceria com a MSI, o passado também parece não estar totalmente limpo.
O ex-presidente Alberto Dualib confirmou, em escuta telefônica, que o título do Campeonato Brasileiro de 2005, conquistado pelo Corinthians, foi roubado. A conversa do dirigente era com Renato Duprat, homem-forte da parceria com a MSI.
"Se não tivesse aquela m... da anulação de 11 jogos, nós estaríamos fora, porque o campeão de fato e de direito seria o Internacional", disse Dualib. O corintiano se referia às onze partidas anuladas no campeonato de 2005, sob a alegação de interferência do árbitro Edílson Pereira de Carvalho nas partidas.
Outra declaração polêmica de Dualib foi sobre a diferença de pontos na ocasião. "Porque os últimos cinco jogos, nós tínhamos 14 pontos na frente, e chegamos com um ponto só... roubado", declarou. O Internacional, grande adversário do Corinthians em 2005, foi prejudicado no confronto entre as equipes, no Pacaembú, quando o árbitro Márcio Resende de Freitas não deu um pênalti claro sobre o volante Tinga. Além disso, expulsou o atleta, alegando simulação.
O presidente do Inter, Vitório Píffero, foi rápido e já declarou que vai tentar anular o título corintiano e levá-lo para o Beira-Rio. A investigação sobre a parceria do Corinthians com a MSI continua. Agora, além da acusação de lavagem de dinheiro, há mais indícios de irregularidades do título de 2005.
A expressão "roubo", usada por Dualib, é freqüentemente dita pelos envolvidos com o futebol. Nem sempre quer dizer que haja um complô ou algo do tipo, muitas vezes é apenas uma forma de estravazar a emoção.
Mas como os dirigentes envolvidos no caso devem, no mínimo, ser seriamente investigados, cabe a nós esperar por uma punição ao culpados e aguardar para saber se o título será dado ao Internacional, campeão moral de 2005.

6 comentários:

Bruno Diniz disse...

Vamos com calma! Não deu pra entendeu direito o que o ualib quis dizer nas conversas com o Duprat.

Que aquele campeonato foi estranho, não tenha dúvidas. Mas vamos investigar primeiro pra afirmar uma coisa dessas.

Se o Corinthians não fosse Corinthians, taria com os dias contados. Com um futuro em xeque e o passado sob suspeita, não sei como vão conseguir segurar esse bomba.

Obede Jr. disse...

De toda essa história, uma coisa não é mais dúvida: Dualib é um cabaço! ahha

Essa declaração pode ser bombástica, apesar de eu não acreditar que houve roubo efetivamente. Mas Dualib não pode falar essas coisas. Sem contar que ele é mto burro. Porque a 6 rodadas o Curinthia só tinha 6 pontos na frente, e terminou o campeonato com 3, não com 1!

Com certeza é a maior crise da história do Corinthians, que merece pagar por sua diretoria corrupta, mas que com certeza vai voltar a ser grande e a dar emoções nos jogos contra o meu Palmeiras!

Abraços!

Leandro disse...

Calma!!
vc ta enganado, o que o Dualib disse foi que o juiz erro ao nao dar o penalte contra o inter ... temos centenas desses exemplos de lances assim que mudariam o campeonato ... como o do castrili em 98, o rai em 98, a entrada do edmundo em 93 ou 94, a final boca x palmeiras , a mao do maradona, o peru dando o titulo para argentina ...
A grande maioria desses lances os jogadores confessaram que foram ajudados pela arbitragem e isso mudo alguma coisa? Nao!
e nem deve mudar, é por isso que o futebol é o esporte mais querido por todos, se fosse tudo certinho nao teria polemica

Leandro disse...

ahhhh se anular o titulo do corinthians tem que anular todos do palmeiras naquele esquema parmalate em 93 e 94 haha

Bruno Diniz disse...

A entrada o Edmundo foi em 93, não em 93 e 94. E lá nunca teve nada q acusasse ninguém de ter esquema Parmalat.

A empresa chegou e saiu do Palmeiras e não deu merda nenhuma. Não foi igual essa lavanderia q instalaram lá na marginal sem número.

E não precisa anular título nenhum. Deixa o CUrintia com esse campeonato, pq vai ser o último antes do time fechar as portas. hahahahah

Obede Jr. disse...

lógico.. pq com a Parmalat foi tuuudo roubado ahah
aliás, quem liberou o Edmundo pra jogar foi o Approbratro ehhe conselheiro gambá.. ou seja.. chupa de novo!
e naum tem que voltar.. só se o corinthians tiver sustado o cheque que usou pra comprar o campeonato.. senão, blz! ahah