sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Camisa dá sorte ao Verdão. Você acredita?

Em uma jogada de marketing, o Palmeiras lançou em agosto deste ano o terceiro uniforme, diferente da tradicional camisa na cor verde escura. O novo uniforme traz um verde fluorescente (foto), incomum ao uniforme do time.

A novidade chamou a atenção da torcida palmeirense que, na sua grande maioria, aprovou a nova camisa. Ela vende bastante e é facilmente encontrada pela cidade de São Paulo. Até aí, tudo normal. Não fosse pelo poder 'destinado' a ela.

Desde que estreou a camisa verde fluorescente, o Palmeiras não perdeu. Foram quatro jogos com o uniforme, com quatro vitória. E sem tomar nenhum gol. Por isso, a camisa estaria dando sorte ao Verdão.

Superstições à parte, as vitórias com o novo uniforme vieram junto com a reabilitação nas partidas em casa. O Palmeiras venceu o Goiás (2x0), o rival Corinthians (1x0), o Grêmio (2x0) e o Paraná (3x0). E como em time que está ganhando não se mexe, a camisa deve continuar acompanhando o Verdão nas partidas em casa.

O uniforme já ganhou muitos apelidos, como Porco Elétrico, Limão Mecânico (em referência à Laranja Mecânica), Abacate Atômico, Canetinha Marca-Texto, entre outros. Mas a verdade é que a fase é muito boa nos lados do Palestra Itália.

8 comentários:

Bruno Diniz disse...

O futebol tem muito dessas coisas. Mas acho que, apesar da superstição, o Palmeiras encontrou seu jogo e tudo vem dando certo.

Jogador de futebol, como tem cérebro de amendoim, pode até se sentir mais forte jogando com ela e isso tem q ser respeitado e até usado a favor.

Mas não tem nada a ver.

João de Andrade disse...

Lógico que não tem nada a ver. Mas a superstição faz parte do futebol, principalmente por parte dos torcedores!

O Palmeiras melhorou devido ao técnico Caio Júnior ter encontrado a melhor formação e ter voltado a ganhar no Palestra Itália.

E quanto ao jogador ter cérebro de amendoim, até concordo. Mas isso é o que a imprensa mais gosta. Porque quando um jogador tem opinião própria e sabe se expressar, é tido como arrogante e prepotente (leia-se Rogério Ceni).

Obede Jr. disse...

Mas o Sr. de Andrade Neto tem sempre que encontrar um jeito de encaixar o AgachaCeni na conversa, é incríveel!! haha

Eu acho que coincidiu com o fato do Palmeiras ter encontrado seu jogo. Tá certo que não tomou um gol sequer com essa camisa, maaas, se for pra dar confiança pros jogadores, ótimo!!!

Quanto a saber se expressar, dizer que o time BAMBIOU é realmente um primórdio da oração! haha

João de Andrade disse...

Mas é a verdade. A imprensa gosta de jogar que fala "eu vim pra somar", "vamos buscar o resultado positivo" e "vamos melhor pra buscar os três pontos"...

Bruno Diniz disse...

Eu tô achando que essa admiração pelo Chuta-rasteiro-que-eu-ajoelho-e-não-pego Ceni já extrapolou o gramado. Já tá virando uma tara sexual!!! hahahaha

E quem disse que a imprensa tá certa em gostar desses jogadores? Tá errada!

Por isso q eu leio Banca do futebol. Pq é o mundo da bola do jeito q eu quero ler!!! hahahaha

João de Andrade disse...

Hahahaha bela publicidade!

Não vou entrar na discussãozinha e provocaçãozinha barata sobre Rogério Air Ceni!

Mas devo comentar que a eleição do Gustavo foi algo absolutamente desagradável e com perda da credibilidade do blog! hahaha

Jean Minganti disse...

HAhahahha
Cara...melhor do que essas matérias, são os comentários.
Me divirto...rs

Tbm acho que futebol combina com superstição. Mas isso graças aos jogadores, que demonstram isso ao entrar em campo. Tem alguns que só faltam dar cambalhota.

Mas na verdade não é por causa da camisa, claro. Como já dissera, o Palmeiras se encontrou e está em uma boa fase. Independente da camisa, é só saber usar o time que tem. Méritos para o Caio Jr, que está fazendo até o cervejeiro Caio jogar bola.

Leandro disse...

Se da sorte eu nao sei mas que ela � mto feia � sim!
Parece a roupa do super 15
kkkkkkkkkkkkkk