segunda-feira, 8 de outubro de 2007

'Ê saudade que bate no meu coração...'

Nem bem pode curtir o desemprego e ele já está de volta ao batente. Cuca, que pediu demissão do Botafogo após sofrer uma incrível virada do River Plate na Copa Sul-americana, é o novo técnico do... Botafogo? Como assim?

Isso mesmo. Depois de perder mais um jogo no Brasileirão, dessa vez para o Santos, o Fogão resolveu demitir o técnico Mário Sérgio, que só dirigiu o time em três partidas. Nove dias depois de sair, Cuca foi o escolhido da diretoria para tentar dar um ânimo para a equipe que já foi classificada por muitos, ainda este ano, como a do futebol mais bonito do Brasil.

E ele aceitou sem titubear. Estava com saudades. Para ele, estava escrito que seria assim. Vontade de Deus. Pois bem... cada louco com a sua mania.

Mas é bom trabalhar e deixar a emoção de lado. O próximo desafio do time da estrela solitária é o clássico contra o Vasco, no domingo.

3 comentários:

Obede Jr. disse...

É uma bonita história de amor, temos de convir! E o Botafogo está certíssimo.. o Cuca é um excelente treinador e ama o Fogão.. é coisa de Deus!
E quem sabe agora o Botafogo não lute por uma vaga na Libertadores? Ânimo não há de faltar..

Mas eu acho legal essa ligação de treinador com o clube.. coisa cada vez mais rara no futebol!

João de Andrade disse...

O Cuca tem a cara do Botafogo... e ele mesmo já havia dito que gostaria de voltar ao Fogão um dia... só não pensei que fosse tão rápido! hahaha

Sorte do Botafogo, que agora pode recuperar um pouco do fôlego que perdeu e tentar brigar por uma vaga na Libertadores. Mas acho que já não dá mais...

Mas que essa história toda é coisa de maluco, isso não há dúvidas! hehe

Leandro disse...

o Cuca é um otimo treinador e nao fez sentido nenhum o Mario sergio que gosta de armar time na defesa comandar a equipe mais ofensiva do brasil...